Advertisement

Ti regalerò una rosa (Portuguese translation)

Advertisement
Portuguese translation

Te Presentearei Uma Rosa

Te presentearei uma rosa
Uma rosa vermelha para pintar cada coisa
Uma rosa para cada lágrima sua, para consolar
E uma rosa para poder amar você
Te presentearei uma rosa
Uma rosa branca como se fosse minha esposa
Uma rosa branca que sirva para você esquecer
Cada pequena dor
 
Me chamo Antonio e sou louco
Nasci em 54 e vivo aqui desde que era criança
Acreditava que falava com o demônio
Assim me trancaram por quarenta anos em um manicômio
Te escrevo essa carta porque não sei falar
Perdoe a caligrafia de primeira série
E me surpreendo se ainda experimento uma emoção
Mas a culpa é da mão que não esquece de tremer
 
Eu sou como um piano com uma tecla quebrada
O dissonante acorde de uma orquestra de bêbados
O dia e a noite se parecem
Na pouca luz que atravessa os vidros opacos
Ainda fico debaixo dela porque tenho medo
Para a sociedade dos sãos, somos sempre lixo
O fedor de peixe e de serragem
Essa doença é mental e não existe cura
 
Te presentearei uma rosa
Uma rosa vermelha para pintar cada coisa
Uma rosa para cada lágrima sua, para consolar
E uma rosa para poder amar você
Te presentearei uma rosa
Uma rosa branca como se fosse minha esposa
Uma rosa branca que sirva para você esquecer
Cada pequena dor
 
Os loucos são pontos de interrogação sem frases
Mil astronaves que não voltam para a base
São os fantoches arrumados, segando o Sol
Os loucos são apóstolos de um Deus que não os quer
Me fabrico neve com poliestireno
A minha doença é que fiquei sozinho
Agora, pegue um telescópio... Meça as distâncias
E veja, entre eu e vocês... Quem é mais perigoso?
 
Dentro dos pavilhões se amavam às escondidas
Proibindo um canto que fosse só o nosso
Recordo os poucos instantes em que nos sentíamos vivos
Não como as pastas clínicas entulhadas nos arquivos
De minhas lembranças, você será a última a desbotar
Você era como um anjo ligado a um radiador
Apesar de tudo, eu ainda te espero
E se fecho os olhos, sinto sua mão, que me alisa
 
Te presentearei uma rosa
Uma rosa vermelha para pintar cada coisa
Uma rosa para cada lágrima sua, para consolar
E uma rosa para poder amar você
Te presentearei uma rosa
Uma rosa branca como se fosse minha esposa
Uma rosa branca que sirva para você esquecer
Cada pequena dor
 
Me chamo Antonio e estou no teto
Querida Margarida, faz vinte anos que te espero
Nós somos os loucos, quando ninguém nos entende
Quanto o seu melhor amigo também te trai
Te deixo essa carta, agora devo ir embora
Perdoe a caligrafia da primeira série
Você se surpreende se ainda experimenta uma emoção?
Surpreenda-se de novo porque Antonio sabe voar
 
Translation done by Alma Barroca. In case you want to reprint it, please ask for permission first and always cite my name as its author. /
Tradução feita por Alma Barroca. Caso você queira reutilizá-la, por favor peça por permissão antes e sempre cite meu nome como o do autor.
Submitted by Alma Barroca on Thu, 11/02/2016 - 23:19
Italian

Ti regalerò una rosa

Collections with "Ti regalerò una rosa"
Simone Cristicchi: Top 3
Idioms from "Ti regalerò una rosa"
See also
Comments